Por que muitas pessoas não gostam do Windows Phone?

Antigamente e nem tão antigamente assim, cada telefone carregava apenas o seu sistema operacional proprietário, criados em java pelas próprias Nokia, Samsung, Sony Ericsson e etc. Alguns, eram muitos bons, como o Symbian S60 (coisa mais linda) e os expertos e leves que vinham nos celulares da Sony.
Bom, mas isso tudo é passado e hoje sofremos ou somos felizes com o Android do Google, O Windows da Microsoft, o OS da Apple e ainda Mozilla, Linux e ainda o ASha, nos features phones da quase extinta Nokia.
Em termo de idade, o Windows Phone, apenas de uns 2 anos pra cá, 2015, é que está sendo melhor aceito. A demora do sucesso do Sistema Operacional se deu pela grande dominação da plataforma Android.
Rodando em telefones baratinhos, até em aparelhos top de linha, o Android é fácil de usar e milhares de aplicativos legais seduziram os consumidores. Coisa que a plataforma Windows começa a alcançar.

 

 
Mas por que será que muita gente não gosta do Windows phone?

 

Ora! Costumamos não gostar do que não conhecemos. De tão acostumados com a cara engraçadinha do Android, seus fartos aplicativos e mesmo travando depois das atualizações dos mesmos, ao nos depararmos com a simplicidade do Windows, gráficos objetivos e poucos efeitos de tela, aquilo tudo parece ser muito sem graça. E ponto! é apenas isso.
O Windows phone é bom?
Quem vos escreve já utilizou todos as plataformas para telefone celular disponíveis no Brasil. Do preto e branco a telas com milhões de cores, dos mais baratinhos aos mais caros e a minha opinião sobre o Windows… Sim é uma ótima opção e aparentemente não há defeitos. Exige menos memória que o Android para funcionar, ou seja, trava menos.
Em comparação com o que tenho na gaveta, meu Nokia 630, que nem é mais produzido, funciona bem melhor que meu Iphone 4, e custou muito menos.
Outros argumentos, mas câmera de um é melhor que outro, tela de um brilha mais e etc…São todos relativos. Perto dos celulares com Android, o Window Phone é mais novo. Já vi celulares Android que eram horríveis de usar, quanto ao Windows, um dos aparelhos de entrada era o Nokia 520, que você encontra funcionando perfeitamente por aí.
No fim de tudo, o Windows exige menos hardware para funcionar, e se colocarmos uma boa memória e um bom processador, ele vira só alegria. É simples como o OS da Apple e menos carregado que o Android da Google.
Contudo, a escolha é sua. 🙂

 

Um video do youtube, confira a dica do canal Ponto Geek
Anúncios

Novidade – Tablet N1 da Nokia!

Eu ainda sou fan da Nokia, não tem jeito! E agora então, a marca uniu a qualidade de equipamento com o prático sistema Android no novíssimo N1. Confira mais na matéria da TecMundo.

Calma… Você não voltou no tempo! A divisão Mobile da Nokia foi comprada pela Microsoft algum tempo atrás, mas a empresa finlandesa ainda existe e está ativa. Prova disso está no tablet Nokia N1, que foi anunciado hoje e trouxe grandes expectativas para o mercado. Mas como será que ele se comportará em relação a outros aparelhos de destaque em todo o mundo?

Nós criamos uma tabela para comparar as especificações técnicas do dispositivo com outros grandes nomes do mercado: iPad mini 3, LG G Pad V500 e HTC Nexus 9. Nos limitamos aos aparelhos com menos de nove polegadas para que as comparações com o Nokia N1 pudessem ser feitas com menos disparidade. Você pode conferir todos os detalhes disso na tabela que está no topo deste artigo.

Como você pode perceber, as resoluções dos aparelhos da Nokia, da Apple e da HTC (Google Nexus) são as mesmas — 2048×1536 pixels —, sendo que apenas o LG G Pro possui menos pixels na tela, com 1920×1200 pixels. As densidades de pixels varia bastante entre os aparelhos, sendo que a maior de todas fica com iPad e N1: 324 pontos por polegada. (Tecmundo)